skip to Main Content

Você sabia que pode pagar alguns impostos de sua empresa, se quiser, após receber de seus clientes?

planooPara provar esta afirmação, vamos apresentar algumas particularidades do Planejamento Tributário, como é denominado, o estudo para o levantamento de alternativas legais, para uma empresa ou pessoa física potencializarem seus recursos financeiros, em sua jornada empreendedora e empresarial. E principalmente: pagar menos impostos.

Algumas são bem complexas e necessitam de um trabalho conjunto, entre um Advogado Tributarista e o Contador. Outras são mais simples e muitas vezes, por desconhecimento, deixam de ser aproveitadas.

É o caso da apuração/recolhimento de impostos federais pelo Regime de Caixa. Nesta modalidade, a base de cálculo, para a apuração dos impostos, é o valor dos recebimentos do mês e não o faturamento (notas emitidas).

Este conhecimento é muito importante, especialmente, em momentos de crise, quando há uma tendência de a  inadimplência atingir níveis mais elevados. Em consequência, ocorrerem solicitações em relação ao aumento do número de parcelas e de vendas a prazo. Assim pagar os impostos, somente após o recebimento, por exemplo, pode ser uma boa estratégia.

Para adotá-la, em primeiro lugar, é necessário informar a opção, que valerá para todo o ano, à Receita Federal.

Além disso, outra dica importante é a necessidade da manutenção de controles, especialmente, os dos recebimentos de clientes, que devem permanecer à disposição do Fisco para eventuais fiscalizações e a administração geral de seu negócio.

 

Consultee Contabilidade

Equipe de Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top